29/11/2016 09:05 VALE (VALE-N1) - Outros Comunicados ao Mercado - 28/11/16 (N)


Vale aprova pagamento de remuneração aos
acionistas


Rio de Janeiro, 28 de novembro de 2016 – A Vale S.A. (“Vale”) informa que a sua Diretoria Executiva
propôs e o seu Conselho de Administração aprovou o pagamento de remuneração aos acionistas como
uma antecipação da distribuição obrigatória dos resultados de 2016, no valor bruto de R$ 856.975.000,00
(US$ 250 milhões), correspondente ao valor de R$ 0,166293936 (US$ 0,048511898) por ação ordinária
ou preferencial em circulação em 25 de novembro de 2016 (5.153.374.926 ações).

O pagamento de R$ 856.975.000,00 será feito a partir de 16 de dezembro de 2016, totalmente na forma
de juros sobre capital próprio. Os valores em reais foram obtidos mediante a conversão dos valores em
dólares norte-americanos pela taxa de câmbio de venda do dólar norte–americano (Ptax – opção 5)
informada pelo Banco Central do Brasil no dia 25 de novembro de 2016 de R$ 3,4279 por dólar norte-
americano.

A record date para os detentores de ações de emissão da Vale negociadas na BM&F Bovespa será no dia
1 de dezembro de 2016. A record date para os detentores de ADRs de emissão da Vale negociados na
New York Stock Exchange – NYSE e na Euronext Paris será o dia 6 de dezembro de 2016. Todos os
acionistas nas respectivas record dates terão direito à remuneração aos acionistas.

Os detentores de American Depositary Receipts (ADRs) receberão o pagamento através do Citibank N.A.,
agente depositário das ADRs, em 23 de dezembro de 2016.

As ações da Vale serão negociadas ex-direitos na BM&F Bovespa, NYSE e Euronext Paris a partir de 2
de dezembro de 2016.

A aprovação está de acordo com a nova política de remuneração aos acionistas que confere à Diretoria
Executiva a opcionalidade de propor ao Conselho de Administração, baseado em análise do fluxo de caixa
da companhia e na disponibilidade de lucros e reservas de lucros, a distribuição de remuneração aos
acionistas em qualquer momento do ano.

A melhor perspectiva de nosso negócio e a geração de fluxo de caixa melhor do que a esperada apoiam
a aprovação de pagamento de remuneração aos acionistas sem comprometer a meta de redução do
endividamento.



A partir de 02/12/2016, acoes escriturais ex-juros.


veja o aviso original aqui (http://zeeg.pw/ka)